Apenas a associação ao Sindicato garante a manutenção de nossos direitos!

A Reforma Trabalhista, que já passou a valer em novembro de 2017, vem sendo uma ameaça constante contra os direitos dos 90 mil gráficos do estado de São Paulo e de todos os trabalhadores brasileiros!

O Sindigráficos, desde quando a Reforma começou a ser discutida, vem alertando os trabalhadores sobre os perigos que sua aprovação representava aos brasileiros e a representatividade sindical. Infelizmente, agora, as consequências da mudança na legislação começam a ser sentidas na pele. Enfraquecimento dos sindicatos e, consequentemente, da defesa dos direitos trabalhistas; trabalho intermitente; negociações realizadas diretamente com o patrão; criação de empregos informais, por exemplo, são alguns desses efeitos.

Nesse momento, o que os gráficos precisam entender é a importância da sindicalização!  Somos uma importante ferramenta para os trabalhadores que não querem ficar nas mãos dos patrões, mas que buscam valorização, reconhecimento e a manutenção dos direitos conquistados e ganhos salariais reais.

Sozinho, o trabalhador não poderá fazer nada contra a atual situação! Mas, unidos ao sindicato, poderemos combater os ataques patronais! Para isso, precisamos de seu apoio e sua sindicalização!

Em nossa Campanha Salarial de 2017, já enfrentamos uma negociação difícil e demorada! O patrão já sabe que a legislação agora está ao seu lado e fará de tudo para dificultar a manutenção dos direitos dos gráficos, assim como sua valorização!

Mesmo assim, com a força de nosso sindicato, conquistamos a reposição da inflação no salário do trabalhador garantida em Convenção Coletiva de Trabalho, assim como a manutenção de direitos importantes para a categoria. A hora extra realizada pelos trabalhadores nos dias de semana e sábados é pega com acréscimo de 65% ao trabalhador, já aos domingos e feriados, o acréscimo é de 100%. Nosso adicional noturno, também garantido em CCT, é de 35%; assim como a garantia de Participação nos Lucros e Resultados, auxílio-creche, cesta básica e mais de 80 cláusulas que garantem ao trabalhador gráfico de nossa base direitos essenciais para sua dignidade e qualidade de vida!

Esses direitos convencionados estão garantidos até nossa data-base, em 1º de outubro, quando iniciaremos uma nova Campanha Salarial e precisaremos de muita força para defender a manutenção desses direitos e salários justos para os gráficos!

Por isso, apenas a associação ao seu Sindicato poderá permitir que a categoria e o Sindigráficos continuem fortes para lutar pela nossa sobrevivência e pelas garantias já previstas em nossa CCT!

Se o Sindicato desaparecer, os direitos trabalhistas desaparecem juntos! Associe-se e lute com o Sindigráficos por um presente e um futuro justos e dignos!

Álvaro Ferreira da Costa, presidente do Sindigráficos

 

GALERIA